A burocracia envolvida no setor da Contabilidade no Brasil é bastante complexa e é muito provável que você já tenha passado por algum tipo de situação em que tal dificuldade foi percebida. É nesse cenário que surge um novo ramo no setor: a contabilidade estratégica.

A contabilidade estratégica se dá por meio da interferência do setor de contabilidade nos processos gerenciais da empresa, compartilhando seu conhecimento sobre o tema com todos os setores, promovendo melhoria de todo o ambiente empresarial.

Ela permite ter um bom controle dos processos contábeis, o que se torna fundamental para evitar maiores problemas relacionados à burocracia, além de trazer mais organização, lucratividade e desenvolvimento para as empresas em geral.

Para entender melhor sobre como a contabilidade estratégica pode ajudar no sucesso da sua empresa, confira as 7 maiores vantagens que a aplicação desse conceito traz!

Qual o objetivo da contabilidade estratégica?

O objetivo da contabilidade estratégica é adicionar processos de gestão empresarial para melhorar o controle de todos os departamentos da empresa em questão, destacando-a no mercado por meio de seu desenvolvimento.

Para tanto, a contabilidade estratégica influencia nos planos econômicos da organização, nos processos de cada etapa de planejamento, na comunicação entre todos os setores da organização etc.

De forma resumida, a contabilidade estratégica busca um maior alinhamento entre os diversos departamentos da empresa, tornando, assim, mais fácil alcançar as metas de forma cada vez mais eficiente. Mas, afinal, quais são os benefícios reais que esse ramo traz aos negócios? Confira a seguir!

Quais são as vantagens da contabilidade estratégica?

1. Comunicação entre os setores

O princípio da contabilidade estratégica é a comunicação entre os diversos setores da companhia. A busca por melhores resultados por meio desse conceito parte de informações precisas e detalhadas sobre o negócio e seu funcionamento.

Quanto maior a noção a respeito dos objetivos de cada setor, mais fácil se torna a tomada de decisões.

2. Acompanhamento dos resultados

A comunicação entre os diversos setores da companhia permite um maior controle sobre os processos, problemas e vantagens nela existentes. Sendo assim, temos um acompanhamento detalhado de resultados, que será fundamental para alcançar bons frutos.

3. Visão ampla do negócio

Como a contabilidade estratégica busca maior comunicação entre os diversos setores da organização, sua aplicação permite um conhecimento amplo sobre os processos em andamento na empresa.

Quanto mais cedo se souber a respeito dos bons e maus resultados de determinada ação, mais fácil se torna excluir problemas ou replicar vantagens.

A contabilidade estratégica, portanto, se mostra fundamental nesse sentido. Além de impulsionar metas em conjunto com todos os setores da companhia, uma visão ampla do negócio proporciona análise precisa e real das atividades e dados financeiros, de forma que os objetivos em longo prazo sejam mais facilmente alcançados.

4. Melhor gestão financeira

A contabilidade estratégica ajuda na redução de gastos, lançando mão de um diagnóstico de despesas e análise de possíveis desperdícios. O foco deixa de ser apenas os gastos em geral e passa a considerar, também, fatores externos, como a inflação.

Além dos gastos, a contabilidade estratégica se utiliza de informações sobre a tesouraria, cruzando dados e informações úteis sobre receitas e despesas, bem como captação de investimentos ou recursos. Dessa forma, existe uma relação direta entre os setores financeiro, administrativo e de vendas, por exemplo.

5. Suporte para tomada de decisões

A modernização dos processos utilizados pela organização se mostra cada vez mais necessária para facilitar a tomada de decisões de gestores. O ato da tomada de decisões nem sempre é simples e qualquer engano pode trazer as mais variadas consequências. A contabilidade passa, então, a ser uma aliada nesse processo.

Com a amplitude das informações obtidas com a utilização da contabilidade estratégica, é possível que a gestão desenvolva planos e atitudes de maneira mais efetiva e racional munindo-se de parâmetros específicos. Dessa forma, os gestores se sentirão mais seguros ao agir, pois conhecerão as necessidades reais da empresa e o que fazer para fugir de infortúnios.

Faz-se importante, ainda, traçar objetivos claros e específicos para que se defina os caminhos a serem seguidos. Somente assim o gestor será capaz de lançar mão corretamente das ferramentas disponíveis para atingir as metas.

6. Vantagem competitiva

Para se destacar no mercado, é importante conhecer a concorrência a fim de estabelecer ações que visam superá-la. A contabilidade estratégica ajuda sua empresa a identificar seus pontos fracos e criar caminhos para vencê-los. Com o devido planejamento, pode-se conquistar a preferência dos clientes bem como otimizar o crescimento da empresa como um todo.

Nesse ponto, é importante lembrar que a contabilidade estratégica influencia, inclusive, na precificação. Com as informações de contabilidade interligadas a outros setores, as empresas estão cada vez mais capazes de competir com mercados mais avançados tecnologicamente e que detêm melhores isenções fiscais.

7. Expansão do negócio

Como mencionamos, o gerenciamento da competitividade pode resultar no crescimento da empresa. A execução correta de coleta, o registro e a análise de informações buscados pela contabilidade estratégica levam a um bom funcionamento e desenvolvimento das atividades empresariais.

Munida de tais dados, a empresa consegue manter a competitividade, bater as metas e conseguir novos clientes. O crescimento, portanto, se dá de forma natural e eficiente.

De que maneira implementar a contabilidade estratégica?

Conhecendo as vantagens que a contabilidade estratégica pode agregar ao seu negócio, passemos às formas de empregar esse conceito de maneira efetiva.

Tratando-se de um conceito que traz processos inovadores à empresa, deve-se investir na formação do pessoal, para que ele comece a fazer parte do dia a dia de cada um. Pelo mesmo motivo, pode ser necessário reestruturar a organização para poder receber a nova metodologia, de forma que seja possível aplicar as novas práticas envolvidas.

Além disso, deve-se considerar o uso de ferramentas tecnológicas que podem ser úteis para a comunicação interna para integrar todos os setores do empreendimento.

Outra forma de começar a implantar a contabilidade estratégica é por meio da gestão estratégica de pessoas, que é fundamental para atingir as metas da organização. Com ela, é possível criar projetos de contratação, custos, encargos e redução de riscos trabalhistas, por exemplo.

Ações de incentivo por meio de bonificações, aumento salarial, planos de carreira e promoções são formas de aumentar a satisfação dos colaboradores, levando a uma maior produtividade na empresa.

A contabilidade estratégica pode, de fato, mudar o posicionamento da empresa frente o mercado. A contabilidade é um setor que está intimamente ligado ao desempenho da empresa e, com essas informações, você pode perceber que suas funções vão além do entendimento das leis e da verificação de riscos referentes a impostos, taxas e tarifas. Ela também representa um importante papel na organização e no gerenciamento da empresa como um todo.

Agora que você já sabe as vantagens que essa ferramenta pode agregar à organização, aprofunde os seus conhecimentos e saiba como fazer o balanço patrimonial de sua empresa!


Você também pode gostar

Receba conteúdos sobre
gestão fiscal por e-mail!

Tenha total controle sobre as NFe e CTe emitidas contra sua empresa

Imagem ilustrativa do sistema da ConexãoNF-e